O PODER DA COMUNICAÇÃO

Voz – Presença – Postura

PROGRAMA:
– Expressividade do corpo, do olhar e gestos no discurso;
– Desenvolvimento e consciência da presença e da postura corporal;
– Percepção espacial, relação corpo / espaço;
– Foco: a importância do olhar;
– Respiração, ritmo da fala, pausa e silêncio como recurso da oratória, vícios de linguagem e
fluência na palavra;
– Desinibição, controle da emoção e medo de falar em público.
– Expressão oral, motivação, persuasão e empatia- como desenvolver e expressar na comunicação;
– Competência comunicativa para apresentações orais, entrevistas de rádio e TV, reuniões de
trabalho, fala de improviso e discursos;
– Avaliação individual, observação e roda de conversa.

 

LIMITE DE VAGAS: 25 alunos

 

CARGA HORÁRIA: A oficina poderá ser realizada em diferentes formatos, dependendo do interesse do contratante.

 

PÚBLICO ALVO: Comunicadores, professores, atores, cantores, vendedores, advogados, empresários, locutores, apresentadores, jornalistas, políticos, dubladores, sindicalistas, fonoaudiólogos e todos que desejam desenvolver a aprimorar a comunicação verbal e não verbal.

 

MINISTRANTE: Deborah Finocchiaro
Deborah Finocchiaro estreou no teatro em 1985. Bacharel em Interpretação Teatral na Faculdade de Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, já participou de centenas de trabalhos como atriz no teatro, cinema e televisão. É também diretora, locutora, apresentadora, roteirista, produtora e ministrante. Ao longo de sua carreira, recebeu 33 prêmios, entre eles 9 de Melhor Espetáculo, 18 de Melhor Atriz, 1 de Melhor Direção, 1 de Melhor Texto Adaptado, 1 de Melhor Roteiro e 3 como Melhor Artista de Teatro. Em 1993 criou a Companhia de Solos & Bem Acompanhados, que atualmente tem em seu repertório os espetáculos “Pois é Vizinha…” (1993), “Sobre Anjos & Grilos – O Universo de Mario Quintana” (2006), “GPS GAZA” (2014), “Caio do Céu” (2017) e “Diário Secreto de Uma Secretária Bilingue”(2019). As peças curtas “Erico de Bolso” (2013) e “Histórias de Um Canto do Mundo Chamado Sul” (2008). Os projetos “Palavra de Bolso – Onde a Literatura ganha Voz” (2016), “Sarau Voador – Literatura e Improvisos Transcriados”, que agrega artistas de diferentes áreas para unir a literatura a outras expressões artísticas (2018) e as obras literomusicais: “A Espessura da Vida” (2018), “Leitura às Cegas” (2018); “Benção Poetinha”, a partir da obra de Vinicius de Morais (2018) e “Palavra Balada (2018).
Em 2014 foi a artista homenageada do 21º Festival Internacional de Teatro Porto Alegre Em Cena, ganhando a biografia “A Arte Transformadora”, escrita pelo jornalista Luiz Gonzaga Lopes, que integra o 5º volume da coleção Gaúchos Em Cena.
Desde 2009 assina a coluna de teatro na Rádio Band News FM Porto Alegre – 99,3.